domingo, 8 de novembro de 2015

Cá estou eu!

Pois é, já não vinha aqui há uns mesinhos.. a tal fase menos inspirativa demorou  a passar.. não é que agora ande mais inspirada, mas pronto.. hoje vim dar um ar de graça aqui ao estaminé..

E novidades perguntam vocês??

Ora desde Julho, aconteceram-me muitas coisas.. 

Entrámos de férias em Agosto, férias que para mim, nunca são com sabor a férias descansadas visto que ando sempre com a ansiedade atrás de mim, em saber se sou ou não colocada.. Pois que as colocações este ano saíram a tempo e horas, dia 28 de agosto e fiquei colocada a cerca de 30km de casa. Fiquei super feliz e nesse dia que estava previsto ir ao IKEA com um casal de amigos, até fui com muito mais vontade :) 
Claro que a partir desse dia, estava efetivamente pronta para gozar as férias descansada, mas diz que não, dia 1 de setembro lá se foi a Aninhas apresentar ao serviço na nova escola. Tenho um horário bem preenchido e essencialmente prisional, ou seja, este ano estou praticamente o tempo todo a lecionar em estabelecimentos prisionais (EP). A escola onde fiquei colocada tem protocolos com os EP há muitos anos e, quando soube que ia dar aulas nas prisões fiquei muito contente, porque já dei há uns anos atrás e adorei a experiência na altura!

Neste momento, posso dizer que continuo a gostar muito de dar aulas a este tipo de público-alvo (reclusos). Obviamente são pessoas com pouca ou nenhuma escolaridade, mas que são interessados, pacatos e empenhados. Claro que há sempre um ou outro, mais problemático, mas nada de grave. E na minha opinião, se for comparar dar aulas a reclusos com o dar aulas a miúdos do 7º ou 8º anos ou turmas de vocacionais, por exemplo, posso dizer-vos que prefiro de longe dar aulas a reclusos.. E todos os colegas que conheço que dão aulas nos EP continuam lá, não saem para dar nas escolas.. 

De resto, o filhote entrou este ano no primeiro ano, uma grande mudança, sair do pré-escolar para o primeiro ciclo. Nos primeiros dias, chorava porque não queria ir para a escola, porque fazia muitos trabalhos :) :) lá lhe expliquei ia para a escola tal como os outros meninos, para aprender a escrever, a ler, a fazer contas, etc... e aos poucos a coisa foi melhorando. Já fez os primeiros testes intercalares, a mãe mais nervosa que o filhote e a tentar estudar com ele para o ajudar nesta primeira avaliação. Cedo percebi que o filhote não é fã do português, mas sim da matemática. Tudo o que seja fazer letras, nas palavras do filhote "é uma seca", se for matemática "ah, isso é fácil!" e faz num instante! Enfim, há que ter paciência e ir fazendo as coisas com calma. Esta semana que passou os pais foram chamados à escola para terem conhecimento das notas desses testes. Tal como previa, o filhote teve BOM a Português e EXCELENTE a Matemática e Estudo do Meio. Fiquei muito orgulhosa! Agora no final deste mês, parece que há mais testes, por isso, vamos ver como corre desta vez!

E os dias cá se vão passando, um dia de cada vez e agora com esta mudança de horário (que detesto!) às 18h já é noite e é chegar a casa e preparar tudo para o dia seguinte.

Beijinhos.


Sem comentários:

Enviar um comentário