domingo, 19 de outubro de 2014

15 regras de moda que podemos quebrar!


A moda já se sabe, é cíclica, mais ano menos ano, o que se usou há uns anos atrás regressa em força com algumas adaptações.

No entanto, existem uma série de "regras" que fui formando ao longo dos tempos e que nunca procurei modificar. Por exemplo, nunca vesti azul escuro com preto, ou rosa com vermelho, ou usar muitos padrões diferentes no mesmo outfit.. Ou conjugar em simultâneo acessórios dourados com prateados. 

A revista Activa elaborou um artigo em que revela "regras da moda" em que podemos arriscar sem medos, o que antes poderia ser considerado uma conjugação impossível hoje é considerado uma afirmação de estilo.
Para mim no fundo, independentemente do que se use, temos que nos sentir bem com o que estamos a usar e para mim, isso vale tudo!

Então, aqui vão as 15 regras que podemos quebrar à vontade:


  • Cor-de-rosa não combina com vermelho. O que antes podia ser uma união desastrosa é agora uma conjugação muito sofisticada. Vermelho fica bem com vários tipos de rosa, desde o fúcsia até aos tons pastel.
  • O branco é uma cor de verão. Os designers têm mostrado que o branco é uma cor elegante, faça frio ou calor. Tudo depende dos tecidos: no verão experimente a frescura do linho e do algodão, no inverno tire partido da lã e da caxemira. O branco combina com tudo e ganha força quando usado em look total.
  • Azul e preto, nem pensar. Ainda há muita gente a subscrever esta norma, mas se antes estas duas cores eram vistas como inimigas, agora são inseparáveis. A cumplicidade começou nas passerelles, mas rapidamente foi adotada pelas it girls, que, pelo exemplo, mostraram ao mundo que esta era mais uma regra que valia a pena quebrar!
  • Não misture padrões. Antes podia ser proibido, mas agora tornou-se numa das tendências mais vistas no street style. Estampado animal misturado com bolinhas ou padrões geométricos... tudo é permitido! Aqui não existem regras, mas se ainda é uma iniciante comece por misturar tons semelhantes.
  • Os sapatos devem combinar com a carteira. Não, não, não! Isso só revela falta de criatividade. Claro que há ocasiões em que uma carteira e uns sapatos de tom neutro casam perfeitamente, mas na maior parte das vezes a conjugação de cores (e padrões) diferentes dá um toque de personalidade ao look.

  • A clutch só deve ser usada à noite ou numa festa. Errado! As malas envelope e as clutch são acessórios capazes de transformar qualquer look. Agarre-as com atitude e use-as em qualquer altura do dia.

  • Os calções só devem ser usados durante o verão. Os calções podem e devem ser usados durante todo o ano. No verão, em versões mais frescas e coloridas, que deixam a descoberto as pernas morenas. No inverno, transformam-se numa peça trendy, em couro, jacquard ou no clássico tweed.

  • Dourado com prateado, nunca. Já não precisa de ficar meia hora a olhar para os anéis para ver bem qual é a cor, com medo de misturar dourado e prateado. Estes tons deixaram ser inimigos no que toca a styling e agora aparecem mais unidos que nunca.

  • O vermelho não deve ser usado em casamentos. Antes, até podia fazer sentido, quando o vermelho era encarado como uma cor tão sexy que podia roubar todas as atenções. Claro que não é aconselhável um vestido justo e vibrante para um casamento, mas se tiver atenção ao modelo pode ser uma cor tão aceitável como as outras.

  • Colares, só um de cada vez! Mas porquê? As misturas estão na moda! Pode experimentar vários colares fininhos ao mesmo tempo e até brincar com os diferentes tipos de comprimento. A originalidade está garantida.

  • Lantejoulas e tecidos metalizados estão reservados para a noite. Os metalizados conquistaram as passerelles e o street style e já é habitual vê-los a brilhar à luz do dia. Só precisa de escolher uma peça mais chamativa e manter o resto do look bastante simples.

  • Castanho e preto, cada um para seu lado. Outra regra que caducou. Afinal, estas cores não só funcionam bem em conjunto como criam combinações muito atuais.

  • As calças de cintura subida são passado. Não, não são só do tempo das nossas avós, continuam a ser uma peça indispensável, pois tornam as mulheres mais altas e elegantes.

  • Ténis só no ginásio! Os ténis têm cada vez mais adeptos e até já conquistaram Karl Lagerfeld, que os incluiu no desfile de alta-costura da Chanel. Podem ser usados com vestidos ladylike, saia--lápis, calças de cabedal... tudo depende da atitude de quem os calça!

  • Nunca misture ganga com gangaA imagem que ficou do look ganga total de Justin Timberlake e Britney Spears em 2001 ainda deixa marcas e pode fazer com hesitemos em quebrar esta regra. Mas se olharmos para o street style, facilmente encontramos exemplos trendy a seguir (como o de Olivia Palermo). 


Retirado daqui:
http://activa.sapo.pt/moda/tendencias/2014-10-10-15-regras-de-moda-para-quebrar-ja
Imagens: retiradas do google

1 comentário: